quinta-feira, 27 de maio de 2010

The Hardest Part

When you're dreaming with a broken heart
The waking up is the hardest part
You roll outta bed and down on your knees
And for the moment you can hardly breathe
Wondering was he really here?

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Frustrações =P

Odeio quando jogo Mahjong e perco só com 2 peças, 1 em cima da outra =P de-tes-to!

Hoje ouvi a ameaça mais engraçada da minha vida, e passo a citar (imaginem um sotaque brasileiro):
" ´Cê não vai se esquecer, ´tá? Senão eu arranco os seus cabelos um a um com uma pinça".
Isabel, o povo está contigo! xD

Ultimamente os dias têm sido produtivos (=

sábado, 17 de abril de 2010

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Ânimo!

Tive uma semana de cão. Se bem que, sinceramente, acho que os meus cães tiveram uma semana bem melhor que a minha. Quem inventou a frase "dia de cão" mudava rapidamente de opinião sobre a vida canina se os conhecesse. Que há de melhor em passar o dia a comer, brincar e dormir?
Mas melhores dias virão. Não vou poder só comer e dormir, mas vamos manter a esperança!

quarta-feira, 14 de abril de 2010

São coisas que acontecem naturalmente

Há vários grupos de amigos.
Há os Conhecidos, os Colegas, os Amigos, os Melhores Amigos e os Amigos para a Vida. Até que um dia acordamos e vemos que alguns Conhecidos passaram a Melhores Amigos e Amigos para a Vida passaram a Amigos. E porquê? Porque "são coisas que acontecem naturalmente" =\
E os anos em que se falava todos os dias, em que tudo dava para fazer uma piada, em que o simples facto de se conversar durante o trânsito já animava o dia, em que sabíamos tudo o que se passava e se diziam coisas do tipo "és a melhor invenção a seguir à Coca-Cola" não passam de memórias. E se calhar agora se tentarmos passar uma tarde juntos vamos ficar simplesmente a olhar uns para os outros e a pensar "e agora vou dizer o quê?" e depois fala-se do tempo, do trabalho, do crescimento das ervilhas e pronto. Mais silêncio. Dias de silêncio, que se transformam em semanas, que passam a meses. E quando damos por isso, já só somos Desconhecidos. Já nem sequer somos capazes de fazer um esforço por ter mais que a memória daquilo que já passou.
Hoje estou muito nostálgica.
E odeio "coisas que acontecem naturalmente".

quinta-feira, 11 de março de 2010

Saudade


Quando o telefone tocou, soube o que era ainda antes de a avó atender. Era do hospital pa dizerem que tinhas partido. Para sempre.

Deixaste saudade e um lugar vazio que nunca ninguém vai poder preencher.

Foste o melhor pai/avô/bisavô de sempre. E depois de 97 anos partiste.

Vamos sentir a tua falta para sempre.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

A Simpatia

Nunca caiam no erro de tentarem ser simpáticos com alguém na VCI.

Porquê? Porque eu tentei ser simpática e abrandei um bocadinho para deixar passar um carro que estava aflito pa se meter na VCI e o que é que aconteceu? Levei com o carro de trás que, como qualquer bom português, estava colado ao carro da frente, neste caso, ao meu carro.
Por momentos, juro que pensei em simplesmente seguir e ir embora. O carro continuava a andar, portanto não podia ser grave =P Mas pronto, lá encostei na berma, o senhor que me bateu também. E, coitadinho, estava muito aflito (e sem dentes. Defeito de dentista, não consigo falar com ninguém sem fazer uma avaliação rápida do estado geral da dentadura) e pediu-me desculpa. Mas o meu carro não tinha nada, portanto seguimos viagem.
E pronto, isto tudo para dizer que não compensa ser simpática. Pelo menos, algumas vezes.